Segurança: 29º Batalhão da PM registra queda acentuada nos índices de crimes patrimoniais

Içara (SC)

Um estudo realizado pelo 29º Batalhão da Polícia Militar aponta uma significativa redução no número de crimes patrimoniais no primeiro semestre de 2024. Os sete municípios abrangidos pela unidade – Içara, Balneário Rincão, Morro da Fumaça, Cocal do Sul, Urussanga, Orleans e Lauro Müller – registraram uma queda de 37% nos furtos e 44% nos roubos em comparação com o mesmo período de 2023.

Entre os furtos, a redução mais expressiva ocorreu em Urussanga, com uma diminuição de 61%. Já no caso dos roubos, Balneário Rincão se destacou com uma redução superior a 84%.

Continua após o anúncio
BANNER PORTAL MAIS SUL (1)
Mais Sul - 795 x 205 px
Banner 795x205 - Portal Mais Sul - Coopercocal
COOPERALIANÇA-CAMPANHA-CHATBOT-BANNER-SITE- (3) - 795x205
Fim do anúncio

O estudo apontou que os números de crimes patrimoniais são inferiores aos registrados durante o período pandêmico, quando houve uma redução natural devido ao menor fluxo de atividades comerciais e de pessoas.

O tenente-coronel Eduardo Moreno Persson, comandante do 29º BPM, atribui os resultados a diversos fatores, como a confiança da sociedade no trabalho da Polícia Militar. Ele ressalta ainda a importância da aproximação com o poder público, Ministério Público e Poder Judiciário em ações voltadas à preservação da ordem pública. “Este contato próximo permite a troca de informações sobre indivíduos contumazes na prática de crimes, facilitando a adoção de medidas eficazes para mantê-los fora do convívio social”, analisa.

Além disso, Persson destaca as parcerias com instituições públicas e privadas em projetos que visam melhorar as condições de trabalho dos policiais, contribuindo para a motivação do efetivo.

Leia também